Atividade física diminui reações de ataques de pânico e ansiedade

Postado em mar 3, 2016

Atividade física diminui reações de ataques de pânico e ansiedade

Praticar exercícios físicos regularmente pode ser uma boa estratégia para prevenir o desenvolvimento de ataques de pânico e doenças relacionadas, sugere estudo feito por pesquisadores da Southern Methodist University in Dallas e University of Vermont in Burlington, nos Estados Unidos, e publicado no periódico Psychosomatic Medicine. Para chegar a essa conclusão, foram analisados 145 adultos que tinham histórico de ataques de pânico. Depois de completar um questionário que mede o nível de atividade física e a sensibilidade à ansiedade, os participantes inalaram um ar enriquecido por dióxido...

Leia Mais

Diferenças entre psicólogo e psiquiatra

Postado em fev 25, 2016

Diferenças entre psicólogo e psiquiatra

A mente pode desenvolver doenças por causas orgânicas ou devido a emoções, e isso é um dos fatores que vai determinar a escolha entre um ou outro profissional. Campo de atuação da psicologia O psicólogo não é um médico, sua formação é um pouco mais curta, com duração de cinco anos. Ele normalmente lida com problemas de causas emocionais, já que é preciso ser médico para receitar medicamentos. Em geral, psicólogos se especializam em algumas áreas como a psicoterapia, e estão aptos para tratar de sentimentos, hábitos, memórias e questões mais ligadas a esses temas. Quando percebem que o...

Leia Mais

Ansiedade e depressão: quais são as diferenças?

Postado em fev 25, 2016

Ansiedade e depressão: quais são as diferenças?

Ansiedade e depressão costumam ter seus sintomas confundidos. Apesar de serem dois distúrbios emocionais aparentemente parecidos, são bem diferentes um do outro. Vamos mostrar aqui algumas dessas diferenças, afinal, é fundamental conhecê-las antes de tirar conclusões precipitadas e iniciar um tratamento – que pode não ser o mais indicado para o seu caso. Quando é ansiedade? Experimentar sentimentos de ansiedade é algo perfeitamente normal em vários momentos da vida como, por exemplo, às vésperas de falar para um grande público, ou quando estamos esperando um resultado de uma prova...

Leia Mais

Dependência química é considerada transtorno mental, alerta psiquiatra

Postado em fev 24, 2016

Dependência química é considerada transtorno mental, alerta psiquiatra

A todo o momento as pessoas são cobradas e influenciadas pelo meio em que vivem, sendo que muitas vezes, a sociedade determina como o indivíduo deve pensar, agir e se comportar. Essas normas impostas, o excesso de liberdade, cobrança de resultados nos estudos, no trabalho e no convívio familiar, fazem com que haja fuga do indivíduo para outros meios, onde a droga e o álcool figuram como solução para os problemas. O uso de drogas é considerado, atualmente, um grave problema de saúde pública. No Relatório Mundial sobre Drogas de 2015, o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crimes...

Leia Mais

6 sinais de que você precisa diagnosticar sua saúde mental

Postado em fev 19, 2016

6 sinais de que você precisa diagnosticar sua saúde mental

Considere o seguinte: qualquer sinal de palpitação ou desconforto no peito vai te mandar correndo pro consultório do cardiologista. Você não liga para o médico quando tem um resfriado, mas também não deixa de tomar remédios. O mesmo vale para dor nas costas – você espera um ou dois dias e, se ela não passar, procura ajuda. Mas, quando as pessoas sofrem com oscilações constante das emoções, raiva e longos períodos de tristeza, quantas delas você acha que procuram um psicólogo ou psiquiatra? Pouquíssimas. Só uma pequena parte da população procura a ajuda de profissionais para lidar com...

Leia Mais

O que é distimia?

Postado em dez 10, 2015

O que é distimia?

Entrevista de Dráuzio Varela com o médico Táki Cordás. Certamente não há quem não conheça algumas pessoas que parecem sempre de mal com a vida. Para elas nada está bom nem as deixa felizes. Se concordam em ir ao cinema e permanecem até o final da sessão, o que é raro, saem reclamando que o filme explora um tema batido, os atores são fracos e inexpressivos, o cenário e os figurinos de baixa qualidade e a sonoplastia, um desastre. Se vão ao teatro, a ladainha é a mesma: o texto é pobre e os diálogos não têm força dramática. Mal começam a ler um livro e ele é posto de lado, porque o autor não...

Leia Mais